19 de julho de 2011

COMPREENDI QUE... ( Rubem Alves )


Compreendi que a vida não é uma sonata que, para realizar sua beleza,

tem que ser tocadas até o fim.

Dei-me conta, ao contrário, de que a vida é um álbum de minis sonatas.

Cada momento de beleza vivido e amado,

por efêmero que seja,

é uma experiência completa que está destinada à eternidade.


Um único momento de beleza e de amor justifica a vida inteira.


4 comentários:

* Verinha * disse...

"...Um único momento de beleza e de amor justifica a vida inteira..."
Que coisa mais verdadeira essa!.. E só com o tempo e a vivência é que conseguimos entender plenamente!

Uma beijoca em seu coração Lecy'ns!

Verinha

Elisama disse...

Lindo seu blog, quero te convidar para fazer uma visita no meu blog se gostar segui lá, desde já agradecida

http://elyhalves.blogspot.com/

Forte abraço
Atenciosamente Elisama

Geovani Gonçalves - GG disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Geovani Gonçalves - GG disse...

Oi, Lecy'ns,
as palavras desse grande mestre são sempre bem vindas!!
É fácil perceber a sua sensibilidade para a escolha de textos que nos fazem sentir melhor diante do caos diário. Refletindo - de maneira serena - a possibilidade de continuarmos sem desistir da caminhada...
Grande abraço!
Geovan

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...